Figura da Jornada 3 do Campeonato Nacional de Futsal Feminino



Mais uma jornada que chega ao fim no Campeonato Feminino de Futsal.

Nesta 3ª jornada tivemos o Povoense a conquistar os seus primeiros pontos, após derrotar por 2-1 a AAUE, sendo que provocou também assim a perca dos primeiros pontos do conjunto eborense. Quem também perdeu os primeiros pontos foi o Vermoim ao empatar com o Nun’Alvares, e o Sporting naquele que é um sempre escaldante derby entre Sporting e Benfica.

Começando por aí, Debora Queiroz, de regresso ao Sporting bisou, e a capitã das encarnadas Inês Fernandes repetiu tal feito sendo dois grandes destaques deste jogo, pelo meio um auto-golo de Cátia Morgado fez a diferença.

Já no jogo que deu os primeiros pontos ao Povoense, destaque para Ana Lopes. A guarda-redes do Povoense desfez o nulo aos 7 minutos e foi peça importante na vitória da equipa.

Como já devem ter reparado, nesta crónica ao contrario das anteriores começámos por destacar as jogadoras da Zona Sul, isto porque é na Zona Norte que encontramos a grande Figura desta Jornada.

Trata-se de Helena Cunha, ou Leninha como também é chamada no mundo do Futsal. A jogadora do Santa Luzia, teve um jogo inesquecível ao aproveitar da melhor maneira possível o 5x4 da sua equipa a 3 minutos do fim, para com um hat trick, virar o jogou de um 3-2 para um 3-5. Três golos em 3 minutos que garantiram o empate, a reviravolta e a confirmação do resultado, que ditou a segunda vitória consecutiva do conjunto Vianense.

Na Zona Técnica estivemos a conversa com Leninha:

A perder por 3-2 a 3 minutos do fim, o 5x4 era a ultima cartada a ser lançada e resultou na perfeição. Certamente que todas acreditavam que a reviravolta era possível, mas certamente que não estava na sua mente que iria ainda fazer um hat trick nesse curto espaço de tempo. Que sensação teve ao marcar o golo do empate, o da reviravolta e o da consolidação nesse curto espaço de tempo?

Sensação de euforia, alegria e justiça, uma vez que a equipa lutou pela vitoria do 1º ao ultimo segundo do jogo.

 

Quais os objetivos individuais e coletivos para esta temporada?

O meu grande objetivo é ajudar a equipa a conquistar um lugar que nos permita lutar pelo titulo de campeãs nacionais. Para alem disso, vamos lutar pela presença na final four da taça de Portugal.

 

Chegou ao Santa Luzia na temporada passada, uma época de algumas mudanças no clube e onde ao contrario do que muita gente de fora esperava, não alcançaram a fase de Apuramento de Campeão, esta temporada apesar de algumas entradas houve um numero grande de renovações. Pensa que essa continuidade do projeto pode ser fundamental para alcançar os objetivos pretendidos?

Sim, a continuidade no projeto é fundamental. Sinto o grupo mais coeso, mais forte e mais capaz de concretizar as ideias da equipa técnica.

 

A Helena tem ídolos? Quais e porquê?

A minha grande referencia sempre foi o Ricardo Quaresma. Talvez pela sua grande paixão pelo futebol, pela sua irreverência e qualidade técnica.

 

 

E para ti quem foi a figura da jornada? Usa os comentários para dar a tua opinião.