Ana Azevedo: "Estamos prontas a cem por cento"



Capitã lança o Torneio Internacional Quatro Nações, que arranca esta semana na província espanhola de Guadalajara. A Itália é o primeiro adversário da Equipa das Quinas.

Com os olhos postos no Torneio Internacional Quatro Nações, que irá decorrer em Espanha, a Seleção Nacional A de futsal feminino realiza, esta segunda-feira, os últimos treinos em solo português, no Pavilhão do Centro de Estágios de Rio Maior.

O primeiro jogo da armada lusa está marcado para sexta-feira, 8 de dezembro, mas as internacionais portuguesas já se sentem preparadas para entrar em ação. A garantida é dada pela capitã Ana Azevedo.  

"Estamos a preparar afincadamente este torneio e acho que estamos prontas a cem por cento. Este grupo mistura jogadoras de 17, 18, 20 anos com atletas experientes de 30 e 31, como eu. Esta combinação entre a irreverência da juventude e a experiência é positiva. Temos um grupo bom e uma equipa forte. Acho que vamos mostrar isso em campo", afirmou. 

A jogadora do FC Vermoim vê nesta competição em Espanha uma antecâmara do primeiro Europeu de futsal feminino da UEFA, para o qual Portugal tentará qualificar-se em 2018. "Porque participam no torneio as quatro equipas que são, teoricamente, as mais fortes da Europa", frisou, antes de traçar o perfil dos adversários que a armada lusa vai encontrar:

"A Itália formou-se recentemente, ainda está a criar rotinas. Das quatro em prova, é teoricamente a mais acessível, embora esteja a evoluir muito em termos táticos e tenha jogadoras aguerridas que nunca desistem", disse, para acrescentar que "a Rússia venceu o torneio na época passada e, apesar de não ter individualidades, é taticamente muito consistente".

"Depois vem a Espanha, o nosso eterno rival. É a equipa mais parecida com a nossa. Tem individualidades como nós, são fortes tática e tecnicamente", prosseguiu, fazendo notar que as quatro seleções se conhecem muito bem.

Aos 31 anos, a internacional portuguesa assume que o seu principal objetivo é conquistar um título europeu com a Seleção Nacional: "O meu maior sonho é poder erguer a Taça de Campeã da Europa pela primeira vez. Fazer história". 

Nomeada seis vezes para os prémios de Melhor Futsalista do Mundo, atribuídos pelo prestigiado site Futsal Planet, Ana Azevedo mostra-se feliz pelo "reconhecimento internacional" do seu trabalho.

"Essas distinções são boas para mim e, também, para o futsal feminino português. É bom que as jogadoras mais novas percebam que não é preciso sair da terrinha. Não é preciso jogar fora para ir à Seleção e ganhar nome no futsal. O que faz a diferença é o trabalho. É preciso trabalhar muito", explicou a jogadora, que veste há uma década a camisola do FC Vermoim e representa desde 2010 a Seleção Nacional.

Questionada sobre as suas principais qualidades, a capitã da Equipa das Quinas garantiu ser "uma alma grande". "Dou tudo de mim, tanto nos treinos como nos jogos", explicou a jogadora, que faz da velocidade e da resistência as suas principais armas.

Viagem na quarta-feira

A comitiva lusa viaja na quarta-feira de manhã para Guadalajara, província espanhola onde irá decorrer o Torneio Internacional Quatro Nações. Dois dias depois, Portugal defrontará a Itália (8 de dezembro, 19h00), seguindo-se o embate frente à Rússia, sábado (9 dezembro, 19h00), e o jogo com a anfitriã Espanha, domingo (10 dezembro, 12h30). 


Vídeos
Os melhores golos da Jornada 14 da Liga SportZone
Antevisão de Paulinho ao encontro entre o Futsal Azeméis by Noxae e o Fabril/Autokuatrus
Jorge Braz e João Matos fizeram um balanço positivo dos dois jogos em que Portugal bateu a Eslovénia (2-0 e 6-4).
Inês Fernandes: "Acredito que vamos dar uma boa resposta e fazer tudo para ganhar o torneio"
Jorge Braz considerou "Bom teste" frente à Eslovénia
Os melhores golos da Jornada 13 da Liga SportZone por Zona Técnica Futsal Portugal
Portugal vence 0-2 Eslovénia | Resumo
Eslovénia - Portugal | 18:00h | Livestream
Eslováquia - Sérvia | 18:00h | LiveStream
Ucrânia - Itália | 16:30h | Live