CD Ourentã reage a demissões em massa



O Clube Desportivo Ourentã reagiu em Comunicado às Demissões em Massa de Atletas e membros da Equipa Técnica que representavam o Clube no Campeonato Nacional.

Em nota apresentada na página de facebook do clube, estes acusam a treinadora Sofia Ferreira e a guarda-redes Rita Ribeiro de "acusações, ofensas e faltas de respeito graves" para com alguns membros da direção do clube, incluindo o presidente.

No mesmo comunicado, o clube afirma que passava por algumas dificuldades financeiras e que algumas atletas se negaram a treinar e a jogar tendo também impedido as restantes de o fazer.

Ainda assim o Ourentã garantiu que mesmo as jogadoras que sairam por vontade própria terão em sua posse a desvinculação a tempo de continuarem a competir esta temporada.

Fique com o comunicado na integra:

A Direção do Clube Desportivo de Ourentã vem por este meio comunicar publicamente que em reunião de sócios e dirigentes tomou, por maioria, a decisão de dispensar a técnica Sofia Ferreira e a guarda-redes Rita Ribeiro em virtude de acusações, ofensas e faltas de respeito graves para com Presidente e dirigentes do clube .

A Direção quer deixar claro que a deliberação e os motivos da mesma foram comunicadas na passada Terça-Feira a todos os elementos ligados à equipa, incluindo às próprias, através do nosso coordenador desportivo. 
Queremos ainda esclarecer, que as restantes atletas e membros da equipa técnica, que à data do comunicado interno deixaram de integrar o grupo, fizeram-no por vontade e consciência próprias, sendo que o clube não pretende manifestar qualquer tipo de condenação para com a atitude tomada. 
O CD Ourentã rege-se pelos princípios da integridade, do respeito, da lealdade, da entreajuda e da compreensão entre todos os membros que integram esta coletividade, sejam eles atletas, dirigentes, técnicos ou adeptos e acredita que só faz sentido continuar com aqueles e aquelas que são capazes de seguir esses valores e acima de tudo, com aqueles que amam este símbolo e o respeitam não apenas nas conquistas e nas recompensas, mas principalmente nas adversidades.
Ainda que tendo estado, nos últimos meses, a atravessar um contexto financeiro difícil, fizemos tudo o que estava ao nosso alcance para assegurar todas as condições às nossas atletas e em momento algum tentámos quebrar esse compromisso, esforço esse que não foi tido em consideração, quando algumas atletas se negaram e impediram todo o coletivo de comparecer a treinos e jogos, negando-se a representar o clube, situação que se mantinha até à data da reunião interna e que foi em conjunto com as consecutivas acusações e faltas de respeito, um fator de agravamento de tensões que nos levou a obrigatoriamente ter de decidir em defesa daquilo que ainda é o bom nome e a honra desta instituição. 
Como prova de que nunca foi intenção do CDO prejudicar ou aproveitar-se das conquistas desportivas muito menos de quebrar o acordo monetário que assumiu com as pessoas em questão, ficou igualmente decidido entre a equipa técnica e as atletas que escolheram permanecer vinculadas ao clube, o seguinte:
- O pagamento dos montantes em dívida referentes aos meses em que cada um representou e prestou serviços ao clube será efetuado a todos sem exceção;
- As Cartas de Rescisão das atletas que, tendo sido dispensadas ou não, já não integram o nosso plantel, serão entregues antes do prazo limite para a inscrição em outras equipas, de modo a que possa ser assegurada a possibilidade de continuarem a prática da modalidade ainda na presente época caso o pretendam.
- As atletas, membros de Direção e equipa técnica que continuam a integrar o clube assumirão a responsabilidade desta decisão e tudo farão para continuar a dignificar o C.D Ourentã nas competições onde este participa, até ao fim da presente época desportiva e independentemente do desfecho que a mesma possa ter.
Sem mais nada a acrescentar e reiterando uma postura de respeito para com todas as partes envolvidas neste infeliz acontecimento, só nos resta desejar a melhor sorte aos que partem e agradecer a confiança, a coragem, a gratidão e a integridade dos que escolheram permanecer nesta família.


Vídeos
Cerro Porteño é o primeiro semifinalista da Libertadores
VIDEO | Fer Drasler confirmado como reforço do SL Benfica
Resumo | Portugal 4-0 Noruega
Reações de José Luís Mendes ao empate com a República Checa - Sub-21
Reação de Jorge Braz ao triunfo (4-1) diante da Noruega
José Luís Mendes antevê partidas dos Sub21
Bruno Coelho: "a seleção é um espaço diferente"
Treino conjunto antes de jogos de preparação
Deo pede desculpa pela atitude no jogo 4
André Crud é o novo treinador do Rio Ave
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial