Maria Rodrigues: “Um jogo que exigirá o nosso melhor e até a nossa superação”



Maria Rodrigues, jogadora de 24 anos do Santa Luzia, deixou-nos a sua antevisão à deslocação da sua equipa até à Luz neste fim de semana.

Um jogo de dificuldade máxima o deste fim de semana, ainda assim Maria considera que “todos os jogos nesta fase do campeonato constituem um desafio com elevado grau de exigência para o Santa Luzia”

Quanto a essa exigência nesta segunda fase, Maria acrescentou ainda: “Não posso dizer que isso me desagrada, bem pelo contrário”.

No que toca ao adversário que vai encontrar neste fim de semana, o Benfica está no grupo dos líderes e é um dos fortes candidatos à conquista da prova, algo que Maria não esqueceu: “Este jogo é, até pela classificação da equipa adversária, pela sua qualidade técnico-tática, um jogo que exigirá o nosso melhor e até a nossa superação”.

Em tom de finalização, a jogadora do conjunto vianenses, disse ainda, a respeito da necessidade de se superarem: “É para isso que jogamos, é para isso que trabalhamos e é isso que vamos fazer”.

Como já dissemos, o Benfica é um dos líderes do campeonato, juntamente com o Novasemente, e procura não perder pontos nesta luta pela primeira posição, enquanto do outro lado terá um Santa Luzia, atualmente na 6ª posição, à procura somar pontos para crescer o mais possível na tabela classificativa.


Vídeos
Resumo | Final - Jogo 1 | Sporting CP 6-1 SL Benfica
Resumo | Jogo 5 Liga SportZone | SL Benfica 4-3 Sporting CP
Pedro Silva é reforço do Rio Ave FC
André Correia aos 21 anos defendeu no jogo 4 da final, 5 livres de 10 metros | VÍDEO
Resumo do Jogo 4 da Final | Vídeo | Sporting CP 5-3 SL Benfica
Renato Pontes é o novo coordenador do futsal do Rio Ave
Xuxa "Temos de estar concentrados nos 40 minutos"
Pedro Moreira "Vamos a Candoso com o pensamento na vitória"
Aluno agride árbitra a socos durante jogo de futsal no Brasil
Holanda candidatou-se oficialmente como anfitrião do Campeonato Europeu de Futsal 2022.
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial