Um empate será suficiente para que Portugal siga para as meias-finais do Euro-2019 como primeiro classificado do Grupo A, mas o técnico defende que não pode haver relaxamento diante da Rússia.

Depois dos triunfos diante de Letónia (6-0) e da Polónia (3-1) nos dois primeiros jogos do Grupo A do Campeonato da Europa Letónia 2019, a Seleção Nacional sub-19 de futsal volta a jogar quarta-feira, pelas 10h30 (12h30 locais( diante da sua congénere russa.

A Equipa das Quinas treinou esta terça-feira, pelas 15h00 (17h00 locais), na Arena Riga, e antes, José Luís Mendes e Gustavo Rodrigues fizeram a antevisão do encontro.

À partida para este Campeonato da Europa, do ponto de vista teórico, Portugal e Rússia iriam definir na terceira ronda a primeira posição de Grupo A com a presença nas meias-finais garantidas, mas a derrota dos russos diante dos polacos, na primeira ronda,  faz com que um triunfo de Portugal na quarta-feira deixe a Rússia pelo caminho (caso a Letónia não vença a Polónia).

Este cenário obriga a Equipa das Quinas a ir a jogo com cuidados redobrados, conforme explicou José Luís Mendes ao fpf.pt.

“Temos de estar cientes que apesar de estarmos com um pé nas meias-finais, não temos lá os dois. Temos de estar atentos e alertados para uma Rússia que encarará o jogo como se fosse o seu último nesta competição. Vamos preparar-nos da melhor forma. Vamos preparar o jogo da melhor maneira. Nós queremos ganhar, ficar em primeiro no grupo, mas temos de estar atentos para não sermos surpreendidos.”

Os dois primeiros triunfos e o primeiro lugar no grupo poderão levar a algum relaxamento que o técnico não quer que exista. “Vamos alertar os jogadores. Temos a consciência que o apuramento [para as meias-finais] não está garantido. Temos de estar bem preparados para não facilitar em nada e para não podermos ser surpreendidos.”

O técnico garante que Portugal não vai entrar em campo a pensar em dois resultados - vitória e empate -, vai jogar com apenas com um objetivo. “Portugal vai jogar para ganhar. Vamos trabalhar e preparar-nos para ganhar o jogo. Não podemos jogar para empatar. Vamos querer ser Portugal, como o fomos até aqui.”

José Luís Mendes explicou com sente o grupo. “Estão todos extremamente motivados, alegres e cada vez mais focados naquilo que é estar neste tipo de competições.”

Vídeos
José Luís Mendes: “Não fomos a equipa que gostávamos de ser”
Pedro Palas antevê partida das meias-finais frente à Croácia
José Luís Mendes: “Portugal vai jogar para ganhar”
José Luís Mendes: "Primeira parte muito bem conseguida"
José Luís Mendes: “Estivemos bastante bem”
Cerro Porteño conquista 5º titulo consecutivo no Paraguai
Corinhians vence Barcelona por 4-2 na World Intercontinental Cup | VÍDEO RESUMO
Gustavo Rodrigues: "Chegar ao Europeu bem preparados"
Acompanhe em direto as 3 partidas da World Intercontinental Futsal Cup
Movistar Inter antevê participação na International Master Futsal
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial