Thaila Mertins reforça SL Benfica



Thaila Mertins, ala de 23 anos (08/01/1998), é a mais recente contratação da equipa feminina de futsal do Sport Lisboa e Benfica para 2021/22. A brasileira chega com muita ambição. "Estou muito feliz por vestir esta camisola. Estou a realizar um sonho e a expectativa é a melhor possível. Venho para ajudar a equipa e aprender muito. Quero ajudar o Benfica a conquistar muitos títulos", afirmou a futsalista aos microfones da BTV.

"Quando cheguei, tive a oportunidade de ver [as instalações]. A estrutura é sensacional. Nunca tinha visto algo parecido, tanto no futsal feminino como nas outras modalidades. É espetacular", elogiou.

Apesar de ser a primeira experiência fora do Brasil, Thaila Mertins revelou conhecer a qualidade das tetracampeãs. "Algumas das colegas estão entre as melhores e são conhecidas mundialmente. Também acompanhei a época", destacou, acrescentando de seguida: "A maior diferença é que aqui o jogo é mais físico. No Brasil trabalha-se mais a parte tática."

Do outro lado do Atlântico, a brasileira representou as equipas do ADELL (2017), do Uno Chapecó/Female (2018 a 2020) e do Futsal Pato Branco (2021). Agora chegou a altura de sair da zona de conforto e abrir a porta do estrangeiro por via do Benfica. "Sempre foi o meu sonho sair do meu país, e acho que o desporto, e o futsal em concreto, nos proporciona isso. Assim, também terei a oportunidade de conhecer outras culturas", observou a canarinha.

O grupo de trabalho vai ser uma novidade para Thaila Mertins, mas o facto de a língua não ser um obstáculo pode ser uma vantagem na adaptação. "Acho que a comunicação vai ser tranquila, porque a língua é a mesma, apesar de algumas diferenças", considerou.

E chegar a um clube tão titulado como o Benfica? Traz mais pressão ou motivação? A futsalista responde…"Claro que há um pouco dos dois, pressão e motivação, mas venho para o Benfica para ser pentacampeã", sublinhou Thaila Mertins.

Vídeos
Jorge Braz: "Um jogo onde desde o início demonstrámos uma ambição gigantesca para vencer"
Jorge Braz quer Portugal focado em si mesmo frente à Tailândia
Ricardinho: "Os favoritos são sempre os mesmos. Vamos tentar intrometer-nos nesse lote"
Jorge Braz "É muito difícil e vai ser cada vez mais mas gostamos de coisas difíceis e é para a final que apontamos"
Nuno Dias analisa Sporting CP no arranque da temporada 2021/2022
Pulpis analisa SL Benfica no arranque da temporada 2021/2022
Jorge Braz anuncia convocados para o Mundial da Lituânia
Cascavel faz 3 golos em inferioridade numérica.
Jorge Braz analisa grupo de Portugal no Mundial 2021
Sorteio do Mundial da Lituânia
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial Politica Privacidade