Demasiada Ucrânia para esta Sérvia



As duas equipas partiam para esta partida, vindas de derrota na primeira jornada do Grupo A.

A Ucrânia sabia que uma derrota hoje poderia terminar com o seu registo de chegar sempre, pelo menos, aos quartos-de-final em nove edições consecutivas do Futsal EURO. Desde a expansão de oito para 12 selecções em 2010, a Ucrânia ultrapassou sempre a fase de grupos, tendo caído pela derrdeira vez nessa etapa da competição em 2007, precisamente na sequência de uma derrota contra a Sérvia, os Sérvios que perderam com Portugal na jornada inaugural, a última ocasião que não se apurou para a fase a eliminar foi em 2007, apuraram-se em 2010, 2012, 2016 (chegando às meias-finais como anfitriã) e 2018, sendo que não se qualificou para a fase final em 2014.

A partida inicou-se com a Ucrânia a surgir ambiciosa e depois de deixar um primeiro aviso À baliza da Sérvia,  Zvarych aproveita mais uma bolas nas costas da desatenta defesa sérvia e atirou a contar para o 0-1.

A Sérvia continuava a revelar debilidades defensivas nesta partida e o 0-2 surge aos 6 minutos através de um auto-golo de Kristijan Vasic, pontapé de linha lateral apontado por Lebid,Vasic troca os pés e coloca a bola na sua baliza.

Com o 0-2 na partida, a Sérvia estava a dar tudo para, pelo menos, conseguir reduzir ainda antes do intervalo, mas mais um erro na marcação  de um pontapé lateral, a revelar-se fatal, com Abakshyn a aparecer na cara de Mom?ilovi? e a desviar para o 0-3.

A 48 segundos do intervalo, nova bola parada, desta feita pontapé de canto e novo golo para a Ucrânia, desta feita Mom?ilovi? a ficar muito mal na fotografia após remate de Ihor Cherniavskyi.

Para ainda lutarem pelo resultado os Sérvios teriam de vir de cara lavada dos balneários e consegue com que a Ucrânia prove pela primeira vez do próprio veneno e permita que o capitão sérvio Prši? apareça isolado, Tsypun, que tem estado perfeito até ao momento, impediu o 4-1, a 15 minutos do fim.

No lance seguinte numa jogada muito similar é Mom?ilovi? a brilhar após remate de Petro Shoturma.

A 8 minutos do fim a Ucrânia esteve perto do quinto golo, Abakshyn rematou ao ferro da baliza de Mom?ilovi?, não marcou a 8 minutos do fim, marcou a 7, excelente jogada coletiva da Ucrânia, finalizada por Mykhailo Zvarych.

Os Sérvios avançaram para o 5x4, com Mladen Koci? a vestir a camisola de guarda-redes a cinco minutos do fim e Rakic atira à barra ao minuto 37.

A Ucrânia a 2 minutos do fim tem um falhanço incrivel, por intermédio de Ihor Korsun, que depois compensou atirando para o 0-6.

Ainda antes do fim da partida, Tomic marcou o tento de honra da Sérvia e a Rackic atirou novamente a bola à barra a 16 segundos.

Vitória justa da Ucrânia numa partida onde estiveram muito coesos defensivamente e letais no ataque.

foto - uefa.com


Vídeos
Os melhores golos da Jornada 21 da Liga Placard
À lei da bomba (e de Guitta)
Jorge Braz: "Um jogo onde desde o início demonstrámos uma ambição gigantesca para vencer"
Jorge Braz quer Portugal focado em si mesmo frente à Tailândia
Ricardinho: "Os favoritos são sempre os mesmos. Vamos tentar intrometer-nos nesse lote"
Jorge Braz "É muito difícil e vai ser cada vez mais mas gostamos de coisas difíceis e é para a final que apontamos"
Nuno Dias analisa Sporting CP no arranque da temporada 2021/2022
Pulpis analisa SL Benfica no arranque da temporada 2021/2022
Jorge Braz anuncia convocados para o Mundial da Lituânia
Cascavel faz 3 golos em inferioridade numérica.
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial Politica Privacidade