Telma Pereira: “É sempre bom voltar a casa”



Telma Pereira é sem dúvida uma das maiores promessas do futsal feminino nacional.

Internacional pelos escalões de sub-17 e sub-18 da seleção nacional em 6 e 5 ocasiões respetivamente (11 no total), onde é habitualmente capitã, Telma é uma das grandes esperanças do futsal feminino português para um futuro próximo, algo que a tornou também como uma das grandes movimentações deste verão, algo que levou a Zona Técnica a seu encontro para uma pequena entrevista onde se tiveram em conta alguns assuntos relacionados com a sua carreira.

Após ter dado os primeiros passos no futsal federado com o símbolo do Nun’Álvares ao peito, foi no FC Vermoim que se estreou no Campeonato Nacional, e Telma afirma que “O Vermoim foi uma equipa espetacular que sempre fez tudo por mim. É uma equipa que vou recordar sempre com muito carinho. Cresci como jogadora e como pessoa e isso é o mais importante”, acrescentando ainda que “Levo do clube muitas amizades e muitos momentos felizes que tive o prazer de vivenciar ao lado de pessoas fantásticas”.

 Ainda assim, no Vermoim, a jovem promessa nunca conseguiu mostrar toda a veia goleadora que mostrou ao serviço da seleção. Comparando números, nas duas temporadas ao serviço do conjunto de Vila Nova de Famalicão, Telma fez 46 jogos e marcou 12 golos enquanto pela seleção conta com 11 aparições e 12 golos marcados.

Quanto a estes números, e a uma possível justificação para tal diferença, Telma afirma que a mesma “é um bocado óbvia, no Vermoim jogava com grandes jogadoras, mais velhas e com mais experiência. Na seleção para além de jogar mais tempo, jogo com raparigas da minha idade onde acaba por ser mais fácil para assumir”.

 Continuando ainda pela seleção, como já dito anteriormente, Telma é habitualmente capitã dos escalões jovens portugueses e atualmente, a seleção sub-18 está ainda à espera de saber se vai ou não participar nos Jogos Olímpicos da Juventude. Esta equipa já venceu na Espanha um Torneio de Desenvolvimento da UEFA, algo que as coloca como uma das grandes favoritas à vitória final caso venham a participar na prova. Quanto a esse mesmo favoritismo Telma admite que “não é importante”, uma vez que “quanto mais uma equipa se acha favorita pior é”. Telma admite ainda ter “a certeza que nós somos as melhores, mas isso tem de ser provado dentro da quadra e vamos ter de suar muito para ganharmos a prova”.

Falando agora do novo desafio que Telma encontrará na próxima temporada, Telma pensa que neste momento, o regresso ao Nun’Álvares, clube que lhe abriu as portas ao futsal, “pode ser o melhor para mim, tanto a nível pessoal como a nível desportivo. É sempre bom voltar a casa”.

 Quanto aos objetivos que a jovem promessa traçou para esta temporada, Telma afirma que “Em termos individuais eu tenho o objetivo de acabar muito melhor do que sou agora, esse é o meu lema de vida, vou querer sempre mais, o máximo nunca vai ser suficiente e neste momento ainda sou muito nova e quero chegar ao topo, por isso vou trabalhar muito e dedicar-me ao máximo para ajudar a equipa”, já a nível coletivo,  “o objetivo é ser uma equipa unida e lutadora, tentando sempre atingir a melhor posição possível em todas as competições”.

Como falámos anteriormente, Telma não tem mostrado a sua veia goleadora no Campeonato Nacional, mas admite que vai “fazer tudo para ajudar a equipa nesse aspeto”. Ainda assim, Telma acrescentou que “apesar de fazer golos ser sempre um objetivo em cada jogo, prefiro ganhar sem marcar do que marcar e perder. Por isso, se esta poderá ser uma época com muitos golos da minha parte não sei, vou trabalhar para isso, mas se não for, o que interessa é ganhar os jogos e conseguir atingir os objetivos da equipa”.

Numa mensagem final aos adeptos do Nun’Álvares/IESFafe, Telma deixou algumas promessas:

“Vou lutar pelas cores do clube como sempre fiz antes de sair. Prometo dedicação, trabalho e sacrifício. Tudo por vocês, tudo pelo Nun’Álvares/IESFafe!”

E tu, queres deixar a tua mensagem a Telma Pereira? Usa os comentários para o fazer.


Vídeos
Liga Sport Zone | Os melhores golos da 1ª jornada
QUADRA MÁGICA | Especial Liga Sport Zone 2018/19
Conferência de Imprensa de Luis Conceição e Ana Azevedo
Benfica vence Torneio ARCAS Futsal
SuperCopa de Espanha 2018 | Resumo | Movistar Inter 2 (4-3) 2 Jaén Paraíso Interior
Resumo da Supertaça de Portugal | Sporting CP 11-0 GD Fabril
José Moucho, diretor de futsal do GD Fabril, explica a polémica em torno da extinção da secção
Taça Rui Silva | Live - 21:30h
Miguel Albuquerque em entrevista para a Sporting TV
SL Benfica inicia a temporada