José Feijão: "Vamos querer estar fortes e decididos a lutar pelos 3 pontos "



José Feijão foi o treinador que conseguiu subir na passada temporada o Eléctrico ao principal escalão do Futsal Português.

Agora, a pouco tempo da estreia do conjunto de Ponte de Sor na Liga SportZone, José Feijão deixa-nos a sua antevisão a esta primeira partida:

“Agora é a doer, já passamos a fase das experiências e domingo já existem pontos em disputa.

Este primeiro jogo vai ser duplamente complicado, pois por um lado é a estreia absoluta do Clube na Liga SportZone, sendo também a estreia para muitos destes atletas e existe sempre aquele "friozinho na barriga" da estreia, que passa assim que o apito soar. Por outro lado, o adversário é valoroso, já completamente cimentado e com estatuto na Liga SportZone, tem ao seu serviço atletas de enorme valia, com muita experiência, contando inclusive com um campeão europeu.

Mas amanhã perante o nosso público, aproveitando desde já para convocar todos os sócios e adeptos do Eléctrico para o jogo, vamos querer estar fortes e decididos a lutar pelos 3 pontos e até ao apito final do árbitro haverá jogo. Conto com uma partida equilibrada e competitiva (como é apanágio desta Liga) e onde os pormenores farão toda a diferença. Quem for capaz de jogar nos limites e com concentração máxima, estará mais perto da vitória”.

O jogo está marcado para Domingo as 16 horas com o Eléctrico a receber em Ponte de Sor o conjunto do Burinhosa, 8º classificado da Liga SportZone na época transata.





Vídeos
Pato vence o Cascavel e segue só com vitórias na LNF
Elisandro renova com o Movistar Inter até 2020
Benfica alcança 3º lugar no 3rd Womens Futsal European Tournament
Jimbee Roldan venceu o torneio Europeu
SL Benfica deixa fugir final para as italianas do Kick Off
Carlos Barbosa vence clássico gaúcho contra Atlântico | Vídeo
Pola renova até Junho de 2021 com o Movistar Inter
SL Benfica vence Inter Media Service 0-5
Bank of Beirut é campeão do Líbano
Ortiz renova com o Movistar Inter
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial